sábado, 10 de novembro de 2007

Linguado no papillote




Eu AMO peixe! E felizmente o benzinho também , por isso aqui em casa é sagrado comer peixe uma vez por semana pelo menos. Por conta disso, sempre estou em busca de modos de preparo diferentes para não enjoar e conhecer técnicas que modifiquem a aparência e intensifiquem o sabor.

Aqui em Toledo não é comum encontrar peixarias, os peixes são vendidos em supermercados e somente congelados (posso estar enganada, mas nunca vi peixe fresco por aqui, exceto tilápia). Por falar nela, é abundante na região, pois há diversos criadores desse peixe e o preço é bem bacana, então já deu pra perceber o que tem na nossa mesa toda semana, ? E porque eu tenho que achar receitas e mais receitas para variar. Eu gosto, mas adoraria preparar um peixinho diferente de vez em quando.

É até engraçado quando pego uma receita com filé de peixe, porque sempre traduzo o nome do prato para " Filé de tilápia com molho x" ou "Filé de tilápia à y".

Mas vou continuar tentando e quem sabe me render ao linguado congelado...


Linguado no papillote (fonte: Panelinha)

Ingredientes
1 filé de linguado

½ xícara (chá) de cogumelos variados

½ cenoura pequena, em tiras

1 colher (sopa) de pimentão vermelho, em tirinhas (usei o verde, era o que tinha na geladeira)

¼ de cebola, em tiras

2 colheres (sopa) de vinho branco

2 colheres (sopa) de caldo de peixe ou água (usei água)

sal e pimenta-do-reino, a gosto

papel-alumínio, o quanto baste

Modo de Preparo
1. Ligue o forno em temperatura média (180 graus).

2. Corte a cenoura ao meio, no sentido do comprimento. Apóie a cenoura sobre uma tábua com a lateral cortada voltada para baixo. Agora retire fatias de cada lado, transformando a cenoura num retângulo. Corte o retângulo em fatias finas. Repita o procedimento com a outra metade da cenoura. Reserve. (Adoro as explicações da Rita Lobo assim, tão minuciosas!)

3. Limpe os cogumelos: corte os cabinhos dos cogumelos (guarde para usar em caldos ou sopas). Limpe os cogumelos esfregando uma folha de papel-toalha sobre sua superfície. Apóie os cogumelos, com a base voltada para baixo, numa tábua e corte em fatias.

4. Descasque a cebola e corte-a ao meio. Corte cada metade ao meio novamente resultando em 4 pedaços. Descarte 3 pois você só utilizará 1. Apóie o pedaço numa tábua e corte em fatias finas.
5. Espalhe um pouco de óleo no pimentão para formar uma película. Ligue uma boca do fogão em chama alta e queime-o segurando com um garfão. Quando ele estiver todo preto, coloque dentro de um saco plástico e abafe, fechando bem. Quando esfriar, esfregue o plástico contra o pimentão e a pele se desprenderá facilmente. Corte-o ao meio e retire as sementes com as mãos. Apóie cada metade na superfície de trabalho e corte tirinhas. (Essa técnica de assar o pimentão não é frescura, não. Ele fica bem mais suave e quem fica "se lembrando" dele o resto do dia vai sentir a diferença)

6. Coloque o papel-alumínio no fundo de uma assadeira. No centro do papel coloque as tiras de cebolas.

7. Disponha por cima da cebola o filé de peixe temperado com sal e pimenta-do-reino.

8. Levante as pontas do papel e espalhe por cima do peixe os demais legumes e os líquidos.

9. Envolva o peixe com o papel-alumínio e feche bem para não sair o vapor.

10. Leve ao forno pré-aquecido por 7 minutos. (O meu ficou muito tempo e a cenoura e o pimentão ficaram muito moles para o meu gosto...)

11. Retire do forno e sirva.

6 comentários:

risonha disse...

juliana, isso está com um aspecto que até é pecado eu olhar e não poder provar.
adorei

Eliana Scaramal disse...

Show essa sua receita, os legumes super bem cortados alá juliene e as cores dos mesmos ficaram vivas, uma delícia!

Laurinha disse...

Adorei! Peixinho básico, super bem feito, com capricho! Parabéns!
Beijinhos,

Juliana disse...

Risonha, Eliana e Laurinha, muito obrigada!
Fico feliz por terem gostado!

Iáscara disse...

Miga, tá tudo lindo... mas peixe não vai! Mas deve ficar ótimo com filé de FRANGO!!!!
Quando eu for te visitar, não esquece, esses bichos que nadam eu tô fora, tá? kkkkkkkkkkkkk
Beijos!

Juliana disse...

Amiga, nunca fiz com frango, mas como precisa de um tempo de cozimento maior que o peixe, acho melhor trocar os legumes, senão vão derreter.
ok, sem animais que nadam.